Poções & Encantos by Tânia Gori

Roteiro Halloween 2015 – Unindo as Magias

Reflexão do Agora

Esse ano, nosso Halloween visou unir as energias do povo celta e da nossa cultura brasileira, foram muitas histórias e rituais, e estou recebendo muitos pedidos para mandar nossas lendas, então decidi fazer um post com o roteiro básico que seguimos no nosso Festival.

halloween 2015

Apresentação inicial dos personagens

A partir desse ano de sol… Esperamos poder trazer as tradições celtas e uni-las de forma harmônica as tradições brasileiras… Sentiremos a energia da natureza em nossa alma, nos uniremos aos nossos antepassados, para que dessa maneira possamos finalmente criar e compartilhar a energia de um mundo melhor. (Silêncio)

Resgatando nossas raízes.. Celebraremos o amor a nossa Terra… Pois somente aquele que ama a terra que nasce pode realmente desenvolver plenamente a magia dentro de sua vida!!!

Porque o Halloween é importante ?
Pois é um festival marca tanto o fim quanto o inicio de um novo ano .Nesta noite é perfeita e única para comunicar com as pessoas que partiram e enviar mensagens para eles de amor e harmonia. Na noite do Samhain é uma noite de festa de alegria ,pois marca um novo período de nossas vidas. Então bora fazer tudo com alegria , celebrar e viver e não é por acaso que estamos neste caminho .Juntos iremos fazer desta celebração a melhor a mais especial ,pois estamos despedindo de Marte e recebendo o Deus Sol.

Abertura do Halloween

halloween1

 

E se despendido da energia de MARTE e abrindo os braços para a energia do SOL, a energia do brilho, do sucesso, da prosperidade, da felicidade, da alegria, da felicidade, da saúde e acima de tudo a energia da cooperação. Nesse ano de sol , tenha em sua mente três coisas respeite sua intuição, respeite seu coração e suas loucuras.

Eu Tânia Gori, sua anfitriã e nossos anfitriões, deuses e deusas com alegria no coração anuncio … Está aberto o décimo nono Halloween Casa de Bruxa… Feliz Halloween !!! Sejam todos bem vindos!!

halloween roda

Halloween

 

 

 

1º Primeiro Ritual de Lunação – Mani

halloween mani

Abrimos então nossos 13 rituais… Regaste de uma lenda muito antiga de nossos antepassados, Tupi-guarani… A lenda de Mani – Entre muitas … Uma delas relata que a filha de um cacique misteriosamente engravidou virgem. Em algumas versões, o pai a expulsou da aldeia; em outras, ele a condenou à morte. Mas, em ambas, o castigo foi cancelado quando a índia deu à luz a uma menina que recebeu o nome de Mani e encantou o avó. Quando tinha um ano, Mani morreu e, no local onde foi enterrada, nasceu uma planta muito bonita, cujas raízes grossas eram muito saborosas. Em homenagem à indiazinha, batizaram a planta de “mani” ou “mani-oca”, que significa a casa de Mani. E assim foi criado o nome de mandioca. Símbolo da prosperidade , dinheiro , estabilidade e fartura na alimentação… Vamos juntos com Mani abençoar nossa farinha da tapioca, para recebermos essa energia de prosperidade para 2016… Em uma só voz ““Mani, abençoe com a força das grandes raízes, essa tapioca, para que ao ser acrescentada em nossa alimentação, Traga em nossa vida o reconhecimento de nosso trabalho, e nossa prosperidade floresça, que possamos a partir de agora confiar mais em nossos caminhos e com isso conseguirmos um maior equilíbrio e estabilidade em nossa vida.
Deusa brilhante…criança do alimento
Traga até nos sua força e seu alento
Venha senhora das raízes sagradas
Seu corpo que é a sua casa seja nossa morada
Benção fartura e prosperidade
Bem vinda mani traga felicidade
Que assim seja, e assim será”

 

2º Segundo Ritual de Lunação – Ritual da Sedução

Ritual do Boto

halloween boto

Boto – É, certamente, o animal amazônico de maior presença folclórica. Seduz as moças. É, o pai de todos os filhos “de origem desconhecida”. Sobre ele narra-se o seguinte: “Nas primeiras horas da noite transforma-se em um belo rapaz, alto, branco, forte, grande dançarino, e aparece nos bailes, namora, conversa, frequenta reuniões e comparece fielmente aos encontros femininos. Antes da madrugada pula para a água e volta a ser o boto”. E trazendo essa energia ao nosso Halloween , vamos pedir para que nosso boto abençoe essa água de rosas para que todos possam ser abençoados com a sorte de um amor verdadeiro…

Todos em um só voz…”Querido Boto, Ser da água, em nome do amor universal, peço que em ressonância harmônica com tudo o que é bom, peço que canalize nessa água de rosa todo amor, sedução , felicidade e alegria para esta água para onde quer que ela se espalhe, só o amor reinará.”

3º  Terceiro Ritual de Lunação – Iara

Abertura de nossa Intuição

halloween iara

Para conseguir enxergar as verdadeiras oportunidades de nossas vidas – Sedutora das águas.

Iara – Deusa das águas, também conhecida como Uiara, ela é vista como uma linda sereia que vive nas profundezas do rio Amazonas, de pele parda, cabelos longos e olhos castanhos. A beleza tentadora das águas. O nome Iara, de Ig, água, e iara, senhora, foi literariamente composto. Trazemos a energia de Iara para abrir nossos olhos e dessa maneira enxergarmos as verdadeiras oportunidades de nossas vidas.

Então vocês estão recebendo um barquinho e juntos vamos pedir que esse barquinho leve a Iara nossos pedidos mais sinceros.. Mentalize seus desejos…

Em um só voz , pedimos : “Iara mãe d´água faça com que em nosso caminhos aparecem apenas pessoas verdadeiras, e que possamos enxergar as grandes oportunidades de nossa vida…”

 

4º Quarto Ritual de Lunação – Ritual de Curupira

Trazendo a Energia do Fogo para nossa vida

halloween curupira

 Curupira – O Curupira é representado como um ser de cabeleira vermelha, pés invertidos: dedos para trás e calcanhar para frente. É o protetor das árvores e da caça, senhor dos animais que habitam a floresta. Antes das grandes tempestades percorre a floresta batendo nos troncos das árvores certificando-se de sua resistência.. O Curupira assemelha-se em suas atribuições à bela Diana dos romanos e à Ártemis dos gregos, protetoras dos bosques e da caça.
Vamos juntos pedir a proteção de Curupira a nossa vida … Em uma só voz … “ Pedimos a Ti, Curupira que traga a proteção a nossa trilha, e faça que em nosso caminho tenhamos sempre um caminho aberto, pedimos a ti que guarde nossos caminhos hoje e para todo sempre … que assim seja e assim será……”

 

5º Quinto Ritual de Lunação – Caipora

Traz a força para vencermos nossos desafios

halloween caiopora

Caipora – Um dos gênios da floresta na mitologia tupi. É representado como um pequeno índio, negro, ágil, que fuma cachimbo e reina sobre tudo o que existe na mata.
Mas em um mito muito mais antigo, fala de caipora como uma mulher selvagem que percorre as matas nuas, montada em seu porco do mato, protegendo os animais dos caçadores. É a preservadora da vida selvagem . Traz em nossa vida força para vencermos os novos desafios de nossos caminhos. Em uma só voz vamos pedir essa força para vencermos os desafios e aproveitar a energia de Caipora para emanarmos energia a todos os animais que precisam de cura e energia.

“ caipora, mulher selvagem, venha depressa.mude minha imagem
Que a mulher selvagem que mora em mim seja livre em fim
Que o poder animal seja livre e destemido
Seja solto e forte e que mude a minha sorte
Senhora das feras senhora das eras
De-me sua energia e vença meus desafios
Seja bem vinda neste jardim que sua benção venha até mim…

Peço também sua energia a todos animais que necessitam de cura e proteção… Proteja-os por mim… que assim seja e assim será …”

6º Sexto Ritual de Lunação – Ritual do Saci

 Ritual da Alegria e da Felicidade

halloween saci

Saci Pererê – Mito do folclore Brasileiro, de fonte tupi-guarani. Teria sido, primitivamente, um pássaro encantado e,. transformou-se, depois, em mito de um menino de um pé só, com uma carapuça vermelha e cachimbo na boca. De todas as formas esta última é a mais popular. É uma espécie de duende que vive de noite, a perturbar os viajantes e tropeiros, pedindo fumo e fazendo-os errar os caminhos. O Saci adquiriu feição de moleque brincalhão. E como ele não gosta de ver ninguém triste traz a alegria em nossa vida. Então vamos ficar de um pé só e pedir que o saci traga alegria em nossas vidas… Receba a bexiga encha sem estourar mentalizando coisas que te trazem alegria, nuvem de algodão doce, barra de chocolate, beijos doces, brincadeiras boas… amarre esses sonhos , esses desejos e brinque com a energia do saci em sua vida…”

7º  Setimo Ritual de Lunação – Querubins

Ritual doces ou travessuras

halloween crianças

E unindo as tradições trazemos a força da tradição de doces e travessuras e nossos pequenos querubins para trazerem a energia de doçura em nossa vida… Brinque e pulse nessa travessura gostosa para voltarmos a ser crianças. Recebam o pirulito e o quebra cabeça para que a energia das crianças permanecem sempre em sua vida. Querubim é um anjo considerado como mensageiro de Deus e símbolo da justiça divina.

8º  Oitavo Ritual de Lunação – Uirapuru

Ritual para firmar os três desejos com a varinha mágica da Alegria

halloween irapuru

A lenda do Uirapuru é a lenda de um pássaro especial, pois dizem que ele é mágico, quem o encontra pode ter um desejo especial realizado. O Uirapuru é um símbolo de felicidade. Diz a lenda que um jovem guerreiro apaixonou-se pela esposa do grande cacique. Por se tratar de um amor proibido não poderia se aproximar dela. Sendo assim, pediu ao deus Tupã que o transformasse em um pássaro. Tupã transformou o em um pássaro vermelho telha, com um lindo canto. O cacique foi quem logo observou o canto maravilhoso daquele pássaro. Ficou tão fascinado que passou a perseguir o pássaro para aprisioná-lo e ter seu canto só para ele. Na ânsia de capturar o pássaro, o cacique se perdeu na floresta. Todas as noites o Uirapuru canta para a sua amada. Tem esperança que um dia ela descubra o seu canto e saiba que ele é o jovem guerreiro.

“Senhora do amor,
Deusa Uirapuru
Ouça meu chamado com seu canto sem igual
Traga a este circulo a força universal
Senhora do amor e da compaixão
Traga-me esta noite seu encanto e canção”

Traga a luz de Uirapuru para mentalizar seus três desejos e escrevam no ar , trazendo a alegria e a realização desses desejos.

9º  Nono Ritual de Lunação – Cuca

Ritual das Poções

halloween cuca

Agora chegou a hora de chamar nossa feiticeira, a grande bruxa transformada em Jacaré… A Cuca, é, certamente, o mais difundido mito do ciclo infantil. Não tem características físicas definidas (apesar de Monteiro Lobato, grande escritor Brasileiro, imaginá-lo como sendo um grande jacaré verde com as costas coloridas em vários tons e com uma cabeleira branca enorme que lhe cai até próximo do início da longa cauda). Mas em mitos mais antigos é uma bruxa que tem o conhecimento de ervas e feitiços … Então vamos trazer os três desejos que fizemos ao Uirapuru com nossas varinhas e vamos potencializa-los..

10º  Décimo Ritual de Lunação – Lobisomem

halloween lobisom
O Lobisomem é a criatura do imaginário, é a representação dos sentidos mais selvagens do homem e da mulher. Talvez, um dos símbolos mais primitivos seja o deus Anúbis do antigo Egito que é representado com a cabeça de chacal. O lobisomem é a soma do lobo mais o homem. O lobo, sendo seu lado instintual e o homem é descrito, desde as mais primitivas tradições como sendo, pretensiosamente, o microcosmo, o modelo reduzido do universo. No Brasil existem muitas versões dessa lenda, variando de acordo com a região. Uma versão diz que a sétima criança em uma sequencia de filhos do mesmo sexo tornar-se-á um lobisomem. O número sete é um número místico, representante da totalidade do universo em movimento. Simboliza a conclusão do mundo e a plenitude dos tempos. Para alguns povo primitivo, o sete é símbolo da união dos contrários, da resolução do dualismo e por isso de perfeição. Para os povos antigos, esses representavam os grandes feiticeiros. Ser feiticeiro significa saber criar e administrar poções de encantamento e magia. Ser feiticeiro significa conhecer e dominar seus sentidos, ótimo e prático olfato, ouvido para escutar, olhos para ver o que é e não aquilo que desejaria que fosse, sensibilidade de pele para todo o toque concedido e recebido.

11º  Decimo Primeiro Ritual de Lunação – Iaça

Circulo da Vida

halloween iaça

Lenda de Iaça – Conta a Lenda que há muito tempo atrás, quando ainda não existia a cidade de Belém, vivia neste local uma tribo indígena muito grande. Como os alimentos eram insuficientes, tornava-se muito difícil conseguir comida para todos os índios da tribo. Então o cacique Itaki tomou uma decisão muito cruel. Resolveu que a partir daquele dia todas as crianças que nascessem seriam sacrificadas para evitar o aumento populacional de sua tribo. Até que um dia a filha do cacique, chamada Iaçã, deu à luz uma bonita menina, que também teve de ser sacrificada. Iaçã ficou desesperada, chorava todas as noites de saudades de sua filhinha. Ficou por vários dias enclausurada em sua tenda e pediu à Tupã que mostrasse ao seu pai outra maneira de ajudar seu povo, sem o sacrifício das crianças. Certa noite de lua Iaçã ouviu um choro de criança. Aproximou-se da porta de sua oca e viu sua linda filhinha sorridente, ao pé de uma palmeira. Inicialmente ficou parada, mas logo depois, lançou-se em direção à filha, abraçando – a. Porém misteriosamente sua filha desapareceu. Iaçã, inconsolável, chorou muito até desfalecer. No dia seguinte seu corpo foi encontrado abraçado ao tronco da palmeira, porém no rosto trazia ainda um sorriso de felicidade e seus olhos negros fitavam o alto da palmeira, que estava carregada de frutinhos escuros. Itaki então mandou que apanhassem os frutos, deles foi obtido um suco avermelhado que batizou de AÇAÍ, em homenagem a sua filha (Iaçã invertido). Alimentou seu povo e, a partir deste dia, suspendeu sua ordem de sacrificar as crianças.

“ Senhora Iaça
Receba esta oferta
E me traga nesta lua
O alimento que me faz crescer
Seja ele comida, intelecto ou amor
Que me preencha por completa
Com todo seu esplentor
Venha senhora da vida
Com sua criança divina
Entre em nosso circulo
E partilhe nossas vidas
Que assim seja e assim será!”

12º  Décimo Segundo Ritual de Lunação – Jaci

Ritual para nossos antepassados

halloween jaci

Jaci – Essa deusa da lua e da noite seria a responsável pela magia e encanto na vida dos homens, e teria sido criada por Tupã para embelezar o mundo que havia criado. Irmã de Iara, a deusa dos lagos serenos, mais tarde Jaci acabou se tornando a própria esposa de Tupã. Ia-ci, a Lua, a mãe dos frutos; o mês lunar e também um ornato. Irmã e esposa do Sol. Comece a pensar em seus amores, nas pessoas que você gostaria que estivesse aqui, traga através desse incenso essa energia…

“ Jaci, aquela que cresce, venha nos ensinar os segredos das lunações, venha me ensinar sua poesia e canção, resgatar de nossos antepassados seu amor e sua sabedoria… Que assim seja e assim será!”

 

13º  Décimo Terceiro Ritual de Lunação – Muraquitã

Celebrando a sorte e a felicidade

haloowenn muraquita

A lenda do Muiraquitã é considerada um verdadeiro amuleto da sorte, que consiste num sapinho feito de pedra ou argila, geralmente é de cor verde, pois era confeccionado em jade. Os indígenas contam a seguinte lenda: que estes batráquios, eram confeccionados pelas índias que habitavam as margens do rio Amazonas. As belas índias nas noites de luar em que clareava a terra se dirigiam a um lago mais próximo e mergulhavam em suas águas retirando do fundo do lago bonitas pedras que modelavam rapidamente e ofereciam aos seus amados, como um verdadeiro talismã que pendurado ao pescoço levavam para caça, acreditando que traria boa sorte e felicidade ao guerreiro. Conta à lenda que até nos dias de hoje muitas pessoas acreditam que o Muiraquitã trás felicidade é considerado um amuleto de sorte para quem o possui. O Muiraquitã apresenta também outras formas de animais, como jacaré, tartaruga, onça, mas é na forma de sapo a mais procurada e representada por ser a lenda mais original.

“ Senhora de todos os sapos
Senhora das águas
Esteja esta noite em nosso circulo
Nos abençoando com a felicidade e a sorte
Que assim seja e assim será..

Infelizmente Estamos chegando ao final de nosso Halloween.. E para esse encerramento pedimos que o deus Tupã venha ao nosso encontro, pois é ele que estará trazendo a energia do Sol, do crescimento, da prosperidade, da felicidade a 2016… Juntamente com o sol Tupã e o Sol trazem vários presentes…

halloween tupa

 

Tupã – Esse mítico deus dos trovões e tempestades brasileiro é uma versão do deus nórdico Thor, e, da mesma forma, era a explicação dos povos antigos para a raiva luminosa dos relâmpagos que iluminam o céu. Onipresente, também poderia ser uma analogia ao deus grego Zeus, já que é considerado o líder da cúpula divina da mitologia tupinambá. Seria um tipo de líder na mitologia tupinambá, senhor dos trovões e tempestades. Em analogia simples, poderia ser comparado ao deus grego Zeus, ou mesmo ao deus nórdico Thor, pois ele compartilha a mesma explicação comum nos deuses dos povos antigos para os relâmpagos. Tupã também tem a característica da onipresença, que é muito comum nas religiões cristãs, judaica e islâmica. Os jesuítas, na época da colonização, difundiram uma opinião errônea de que o trovão em si seria um deus indígena, sendo que na verdade, ele é apenas a maneira utilizada por Tupã para se expressar.

Tupã é o criador da vida e para que nosso ciclo da vida continue ele traz agora a semente de seus sonhos mentalize seus desejos na semente que você esta recebendo … Essa semente é uma semente de seringueira que traz a felicidade e a prosperidade…. Energize com seus desejos e plante em um vaso para que você traga o ciclo da vida em sua jornada…

Tupã traz a prosperidade e para isso traz o FEHU nossa moeda para que você guarde consigo esse talismã para que nunca falte dinheiro e trabalho em seu ano.

Tupã traz a ilumina e para isso te entrega a vela… mas antes te entrega o Lápis encantado com todas as energias dos Deuses e Deusas… para você escrever em seu pergaminho seus desejos , fique de dois em dois … emane essa energia a todo planeta terra … pensei em um novo mundo … e junto com sua vela colocar em nosso caldeirão.

Gostaria de agradecer a todos que direta e indiretamente participaram dessa festa. Deuses e Deusas, anfitriões … E dia 31/10 de 2016 estaremos aqui celebrando a entrada de Vênus … Com nossas energias renovadas espero todos, o ano que vem. E que todo ritual termine como deve terminar com beijos e abraços.

Beijos Encantados

Tânia Gori

 

Tagged as: , , ,

Gratidão pelo seu comentário ... Estarei respondendo assim que possível... Beijos Encantados ... Tânia Gori

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Universidade Livre Holística Casa de Bruxa

(11) 4994.4327
Segunda a Sexta : Das 10h as 22h
Sábado : Das 10h as 17h
Domingos : Ligar para verificação de quais estaremos funcionando.
%d bloggers like this: