Poções & Encantos by Tânia Gori

A Anatomia Oculta do Homem

Reflexão do Agora

A ANATOMIA OCULTA DO HOMEM

O Conhecimento Oculto afirma que o Homem é potencialmente a criação mais maravilhosa e complexa que Deus criou no universo. Dentro de nós manifestam-se todas as leis cósmicas, todos os princípios elementais e todos os anseios de auto-realização da Mãe Natureza. As virtudes mais sublimes e o fôlego da Eternidade suspiram em nossos ouvidos tentando nos relembrar de nossas Origens. Apesar de nosso corpo físico ser uma das obras primas da natureza, ele é apenas uma pequena peça de um todo muitíssimo mais fantástico e complexo.

Os sete Arcanjos da Presença vibram no mais profundo da Alma na forma de átomos de Amor, Poder e Vida em nossas sete igrejas apocalípticas(os Chacras). A santa Fraternidade Branca interna ressoa nos átomos mais sublimes de nosso cérebro.

A ternura onipotente da Mãe Divina ilumina cada célula de nosso coração.

E o que dizer de nossos íntimos elementais atômicos? Os gnomos internos de nossos ossos e músculos, as ondinas do sangue e líquidos sexuais, os silfos trabalhando intensamente em nossos ares vitais (pulmões, pensamentos etc.) e as salamandras atômicas, dando-nos aquela sensação de calor e ânimo de viver.

Um grande mago moderno, dr. Jorge Adoum (Adonai), dizia que o ser humano é um
rei da natureza, porém, um rei sem cetro, cujo reino ainda espera ansioso para ser domado.

Os Sete Corpos

De acordo com as leis sagradas do Sete e do Quatro, as composições químicas e energéticas do corpo e da alma se agrupam em níveis de densidade que vão do mais grosseiro ao mais sutil, do corpo tridimensional de carne e osso ao Espírito da Vida.As sete

estruturas, ou corpos, do homem, à semelhança do Universo inteiro, são:

1. Físico
2. Etérico (ou Vital)
3. Astral (ou de Desejos)
4. Mental
5. Causal (ou da Vontade; Alma Humana)
6. Consciência (ou Alma Divina)
7. Íntimo (ou Espírito)

O grande mestre e médico de almas Paracelso os designava assim:
1. Limbus
2. Múmia
3. Archaous
4. Sideral
5. Adech
6. Aluech
7. Corpo do Íntimo

Os distintos sete corpos dessa Anatomia Oculta interligam-se, influenciando-se e afetando-se mutuamente. Quando ocorre um desequilíbrio de um dos corpos acima citados, os outros ressentem, ocorrendo então uma desarmonia ou doença. Enquanto a saúde do corpo onde primeiro ocorreu o desequilíbrio não for totalmente restabelecida, não haverá o radical processo de cura. Ou seja, todo o conjunto permanecerá doente (com exceção dos
dois corpos mais sutis, a Consciência e o Espírito, pois estes somente influenciam).

Alma Sã, Corpo São e Vice-Versa

É do mundo das emoções e da mente onde se origina a maioria das enfermidades, loucuras e doenças existentes hoje. Acredita-se que as grandes guerras mundiais, as pavorosas epidemias, as grandes obsessões e taras que infestam ciclicamente o mundo são unicamente as conseqüências materiais dos estados interiores, resultados de uma série de poluições mentais que vemos na atualidade: falsa educação, músicas desarmônicas, mensagens subliminares absurdas, manchetes negativistas, sexualidade desenfreada, programas de tevê infestados de violência, gerando entre outras coisas o desrespeito a valores universalmente aceitos, como a família, a fraternidade, o livre-arbítrio etc. Sem dogmatismos ou falso moralismo, acreditamos sinceramente que os atributos espirituais do ser humano são os verdadeiros alimentos para uma sociedade mais justa e equilibrada.

Afirma-se que quando se gera coletivamente um estado emocional negativo, essa vibração é recolhida pelas superiores dimensões da natureza. E quando as circunstâncias cósmicas e telúricas permitirem, essa energia armazenada retorna inexoravelmente aos que a geraram, criando assim os chamados Karmas individuais, coletivos, nacionais e até mesmo os planetários.

Quando o ser humano viola as leis das causas naturais, essa violação é devolvida na forma de catástrofes, enfermidades, terremotos, morte e desolação. Por isso dissemos que o homem é um Deus em potencial. Ele tem o poder de criar ou destruir a si mesmo e a seu ambiente.

No mundo interior do homem ocorre o mesmo que no exterior. Quando leis são violadas, formas de agir e sentir são erroneamente manifestadas, ocorrem as chamadas enfermidades kármicas(desta e/ou de vidas anteriores). Aclaramos:

Graves danos no corpo causal(ou da Vontade) podem produzir oKarmaduro, o chamado karma inegociável, além de enfermidades como a Aids, a arterosclerose, gota, males cardíacos e outros desequilíbrios da sociedade contemporânea.

Um corpo mental mal trabalhado e em desequilíbrio pode gerar desde loucuras, cretinices, idiotias e outras doenças mentais, até insônias, anemias, cistites, ciática, raquitismo etc.

O corpo astral normalmente é o campeão na produção e distribuição de enfermidades. Ali podem ser gerados desde os simples abcessos às bronquites, o bócio, alguns problemas cardíacos, câncer, diabetes, nefrites(rins), gangrenas, gastrites e úlceras gástricas, gripes, malária, hemorróidas, tuberculoses etc.

Já as doenças originárias no corpo etérico (vital) são bastante interessantes de se analisar. Por ser contraparte energética do corpo físico, o etérico atua principalmente nos sistemas nervoso e imunológico: Irritações, alergias diversas, calvície, convulsões, conjuntivites, epilepsia, diarréia, varizes etc…

Quanto às doenças eminentemente kármicas, ou seja, geradas por atos e/ou emoções
negativas em passadas encarnações, podemos citar:
A ira desenfreada gera a cegueira; a mentira contumaz cria deformidades físicas horríveis; o abuso da maravilhosa energia sexual é um dos causadores do câncer e da difteria; o medo e a insegurança geram rins e corações débeis; a ansiedade descontrolada e o ateismo afetam os pulmões, além de induzir à malária, ao raquitismo e à tuberculose. Isso se deve a que nossos pensamentos, emoções e atitudes atraem átomos e energias inferiores que danificam nossos corpos internos, repercutindo no corpo físico futuro. Significa que na outra vida o código genético terá mais ou menos dificuldades em responder às ordens harmonizantes dos átomos divinos do Íntimo.

Enfim, demos uma pequena mostra de como nossa vida “moderna” e sedentária tem

nos levado ao aumento dos volumes dos livros de catalogação de doenças das faculdades de medicina. Graças a Deus não existem doenças incuráveis, pois negar qualquer possibilidade de cura é negar a misericórdia do próprio Deus, fonte do princípio universal da Vida. A grande mensagem dos grandes mestres-magos é da urgente necessidade de nosso retorno ao Jardim do Éden primordial, a Mãe Natureza. Ali, com certeza, seremos agraciados com seus mais belos frutos, como a saúde, a prosperidade verdadeira, a

singeleza. Quando retornarmos ao “suave jugo” e à simplicidade dos seres espirituais que

nos rodeiam, teremos então encontrado a verdadeira fonte da eterna juventude e felicidade.

Com as práticas e dicas ensinadas neste livro, realizaremos verdadeiros trabalhos de cura, harmonia e magia para nós mesmos e para nossos semelhantes. Tudo isso baseados na simples observação dos rituais vivos e dinâmicos do Cosmos vivo.

Poderes que Divinizam o Homem

Quando nos damos conta da existência daquela parte divina dentro de cada um de nós; quando descobrirmos com a emoção mais profunda do coração que essa divindade íntima quer que desvendemos as esferas superiores de nossa Consciência; enfim, quando em nossas viagens internas começamos a responder à inteligência do Pai Íntimo, então sim, como filhos pródigos poderemos nos considerar um Deus, em potencial.

A investigação de nossa Alma nos faz crer que existem poderes que levariam nossa vida a uma mudança tão radical que os limites de nosso cotidiano se confundiriam com o Ilimitado. Com o uso de sons vocálicos, mântricos, podemos conquistar nossa herança mágica, perdida num passado longínquo. Mantras são invocações sonoras que o mago utiliza para harmonizar seu corpo e seus Centros com as forças mais sutis da Natureza(sobre esse tema trataremos em posterior capítulo).

Os homem possui ao todo 12 poderes, ou sentidos. Cinco sentidos físicos (olfato, audição, paladar, tato e visão) e sete suprafísicos, atrofiados na grande maioria de nós. Eventualmente um ou outro sentido suprafísico se manifesta, dando-nos a certeza de que eles existem. Esses poderes são:

1.Clarividência
2.Clariaudiência
3.Intuição
4.Telepatia
5.Viagem Astral
6.Recordação de Vidas Passadas
7.Polividência

1. Clarividência: É a Terceira Visão.Com este poder, apresenta-se ante nosso olho interior todo o universo oculto, as dimensões superiores e inferiores, os elementais e os anjos, os corpos sutis, os desencarnados e as formas-pensamento. Desenvolve-se a clarividência despertando o chacra frontal (entre as sobrancelhas) e trabalhando-se a Ira. As virtudes são paciência, serenidade e Imaginação consciente (não confundir com Fantasia). A cor deste chacra é azul com matizes de rosa. O mantra para seu despertar é INRI…

2. Clariaudiência: É o chamado Ouvido Interno ou Oculto. Com este sentido podemos escutar a voz dos desencarnados, dos Mestres, a Música das Esferas, compreender cada palavra pronunciada, valorizar a virtude do amor à Verdade e compreender as Leis de Causa e Efeito. O chacra deste sentido é o Laríngeo, situado na base da garganta. Suas cores são índigo e prata. O mantra é ENRE…

3. Intuição: É a voz divina que nos fala por meio do Cárdias, o chacra do coração. Com este sentido captamos o profundo significado das coisas e ficamos sabendo com antecedência o que fazer. Os místicos afirmam que este chacra desenvolvido nos dá também o poder da levitação (Jinas). A virtude para este chacra é o Amor. E a cor é o dourado. O mantra é ONRO…

4. Telepatia: Quando andamos pela rua, pensamos em alguém e logo passamos por ele; isso se chama captação de pensamento, e é despertado com as virtudes do respeito a tudo e a todos, a discrição, o não julgar a ninguém. O chacra é o do plexo solar, na altura do umbigo. É chamado de Solar por ser o acumulador dos átomos ígneos que vêm do Sol. Aclaramos que a Transmissão das ondas de pensamento se faz por meio do chacra frontal e a captação pelo solar. As cores são o verde e o amarelo.O mantra éUNRU…

5. Viagem Astral: Todos, sem excessão, saímos do corpo físico nas horas de sono. Nossos sonhos são vivências (quase sempre inconscientes) de fatos ocorridos no mundo astral, ou quinta dimensão. Quem de nós, em um dado momento, estando relaxados, de repente pensamos em alguma coisa e nosso corpo sente um leve choque, como que assustados? Na verdade, sem o saber, estivemos saindo gradativamente do corpo físico e voltamos bruscamente. Quando um indivíduo domina relativamente esse poder, consegue coversar com os mestres e todos os desencarnados, penetrar nos templos das igrejas elementais, viajar a qualquer lugar do mundo, acima e sob a terra. Quando todos os chacras, especialmente o cardíaco, prostático e hepático, estão em perfeita sintomia com as forças sutis do Cosmos, a saída astral se torna mais consciente. A virtude é a Vontade e os defeitos a serem trabalhados são a preguiça, o medo e a gula. A cor é o azul celeste. O mantra éFARAON…

6. Recordação de Vidas Passadas: Essa função depende de um sistema nervoso equilibrado, ou seja, um cérebro e uma coluna vertebral carregados de energias transmutadas. Porém, os chacras ligados a esse poder são os pulmonares, que se situam na parte superior das costas. A virtude requerida para o despertar desse centro é a Fé consciente e serena. Trabalhando- se com os chacras pulmonares conseguimos absorver a experiência e o conhecimento acumulado de vidas passadas. A cor é o violeta.O mantra éANRA…

7. Polividência: É a virtude dos atletas da meditação, dos adeptos do Êxtase espiritual. O chacra coronário, o do topo da cabeça, é a porta de entrada e saída da Essência. A polividência é a capacidade da nossa consciência, ou Essência, desligar-se completamente de seus sete corpos e penetrar na Realidade Única, na essência profunda e na razão de ser das coisas. Todas as sete cores ao mesmo tempo. O mantra sagrado éTUM…

Trabalhando os Elementais Internos

Devemos recordar que só controlaremos os elementais externos quando tivermos pleno domínio sobre os internos. Caso contrário, não!!! Podemos entrar em contato íntimo com os mundos elementais trabalhando com nosso próprio REINO INTERNO, o qual, como já dissemos antes, congrega os variados átomos da terra, da água, do ar, do fogo e do éter.

Esses cinco elementos se encontram em todos os reinos e dimensões da natureza. Nosso corpo físico é dividido em cinco partes. Dos pés aos joelhos existe a influência vibratória do elemento Terra. Dos joelhos ao sexo, o elemento Água. Do sexo ao coração, o elemento Fogo. Do coração ao entrecenho temos o elemento Ar. E na parte superior do cérebro o elemento Éter.

O conhecimento da localização e influência dos elementais atômicos é importante no trabalho de Magia Elemental porque ao trabalharmos com a vida contida nas plantas, nos cristais, na chama das velas, nos rios e oceanos, pela Lei de Ressonância faremos nossa Alma e nosso corpo vibrarem intensamente. Mesmo atuando no corpo e na alma de outra pessoa, estamos trabalhando sobre nós mesmos.

Os Elementais e os 7 Chacras

Existem 7 Templos sagrados no mundo astral ligados aos elementos cósmicos e nos conectamos magneticamente a eles por meio de nossos sete principais chacras, batizados no esoterismo crístico de Igrejas do Apocalipse.

O chacra básico, na ponta da espinha dorsal, nos liga ao elemento Terra e seus mantras principais são oIAO e oS (como o silvo prolongado de uma serpente). Os grandes magos afirmam que ao se despertar esse centro dominamos externamente os gnomos e pigmeus, além dos fenômenos telúricos, como terremotos, erosão, pragas de formigas, lesmas e outros. Internamente, desenvolvemos a Paciência, a Diligência e a Laboriosidade. Todos os chacras das pernas (dos joelhos, do descarrego nos calcanhares, das solas dos pés etc.) estão subordinados ao Básico.

O chacra prostático (chamado de uterino, nas mulheres), localiza-se a quatro dedos acima dos órgãos sexuais, no púbis. Seu mantra principal é a letraM. Com ele trabalhamos os elementais das águas, ondinas e nereidas, dominando as nuvens chuvosas, as ondas dos mares, as enchentes e as leis de equilíbrio da natureza(chamadas de Leis do Trogo Autoegocrático Cósmico Comum. É um nome complexo, mas significa Tragar e Ser Tragado, Receber e Doar, Dar para Receber). Interiormente, desenvolvemos a Castidade, a Fidelidade e a compreensão da Prosperidade. Este chacra é o centro de irradiação e controle de outros, como o da bexiga, testículos(ou ovários) e rins.

O chacra solar, como já dissemos, confere o poder da telepatia. Mas também dominamos o Fogo, e seus seres, as Salamandras e os Vulcanos. Psiquicamente pode-se dominar os incêndios, as fogueiras, o poder curativo das velas. Este chacra domina os chacras secundários e terapêuticos, como do fígado, do baço, do pâncreas, o da boca do estômago etc.

O chacra cardíaco, por nos ligar aos elementais do Ar, Silfos e Sílfides, Fadas e Elfos, nos dá poderes sobre o vento, os furacões, as brisas, a levitação, o teletransporte. Também nos confere a compreensão da natureza pela teologia, pelos rituais e a mensagem dos símbolos pela Intuição. O Cárdias auxilia os chacras pulmonares, os das axilas, dos cotovelos e os das palmas das mãos.

Os chacras superiores(laríngeo, frontal e coronário) nos auxiliam a trabalhar e compreender as energias cósmicas superiores do Ser, como o desapego, a sabedoria, a verdade, a inteligência, a justiça, a misericórdia etc., já que a Loja Branca atômica de nosso corpo físico está no cérebro. Esses três chacras sagrados têm sob sua influência outros,

como o do cerebelo, o “chacra oculto”, os sete chacras especiais que circundam o

coronário, o do hipotálamo, do timo, do palato etc.

Enfim, nosso organismo psíquico contém uma fantástica constelação de chacras que nos ligam às mais variadas energias cósmicas e telúricas. Alguns afirmam que nosso corpo astral possui cerca de 10 mil chacras e o corpo mental está estruturado com mais de 200 mil chacras. Isso, sem contar os chacras dos outros corpos. Conhecendo-se essa Anatomia Interior, podemos direcionar a força elemental. Conhecendo a parte enferma da alma e do corpo, deficiências ou com bloqueios, podemos trabalhar com as salamandras, os gnomos etc. Conhecendo o procedimento ritualístico, os símbolos, os mantras, os nomes das Deidades especialistas em determinadas energias, podemos iniciar um verdadeiro trabalho magístico. O grande segredo é o Conhecimento prático, e não unicamente a teoria estéril. É o que se propõe ensinar neste livro.

 

Prática

Procure mais uma vez uma postura de relaxamento e meditação.

Imagine que seus chacras tomam a forma de luminosas flores cor de rosa.

Dos mantras acima citados(para despertar um dos sete sentidos paranormais), escolha um deles que você sinta mais afinidade e pratique por cerca de 10 minutos.

Visualize que o chacra correspondente ao mantra escolhido se transforma num templo dentro de você.

Penetre com a Imaginação Consciente dentro desse templo e sinta a Sabedoria ali contida.

Ore à sua Mãe Divina e peça que Ela preencha seu corpo e sua Consciência com Amor, Sabedoria e Força. Lembre-se: cada exercício deste livro deve ser praticado por pelo menos uma semana.

Sinta a energia contida em cada prática.

Fonte:http://pt.scribd.com/doc/9252297/magia-elemental

 

Advertisements

Tagged as:

Gratidão pelo seu comentário ... Estarei respondendo assim que possível... Beijos Encantados ... Tânia Gori

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Universidade Livre Holística Casa de Bruxa

(11) 4994.4327
Segunda a Sexta : Das 10h as 22h
Sábado : Das 10h as 17h
Domingos : Ligar para verificação de quais estaremos funcionando.
%d bloggers like this: